PREFEITURA DE JUIZ DE FORA É APOIADORA DO MAIOR FESTIVAL GASTRONÔMICO DA CIDADE

03 Set 23
Devido ao impacto positivo para o desenvolvimento e a promoção do turismo na cidade, pelo segundo ano consecutivo, a festa receberá o apoio da Prefeitura de Juiz de Fora por meio do edital de Fomento a Projetos Turísticos, coordenado pela Secretaria de Turismo (Setur). Será destinado um aporte financeiro de R$ 30 mil, previsto no edital.

A Prefeitura de Juiz de Fora (PJF) reconhece a importância do festival gastronômico "JF Sabor", o mais antigo de Minas Gerais e o maior da região, que, durante um mês, reúne empresas e empreendedores do ramo da culinária. Com o tema “Identidade”, a 21ª edição acontecerá entre os dias 1? de setembro e 1? de outubro, com expectativa de gerar resultados positivos tanto no aspecto econômico quanto no enriquecimento cultural e social. Neste ano, os chefs terão a missão de criar pratos que tenham pelo menos um dos ingredientes típicos da culinária mineira: café, milho e cachaça. 

O evento é promovido pela Associação de Bares e Restaurantes da Zona da Mata (Abrasel/ZM).  Devido ao impacto positivo para o desenvolvimento e a promoção do turismo na cidade, pelo segundo ano consecutivo, a festa receberá o apoio da Prefeitura de Juiz de Fora por meio do edital de Fomento a Projetos Turísticos, coordenado pela Secretaria de Turismo (Setur). Será destinado um aporte financeiro de R$ 30 mil, previsto no edital. 

Com isso, a PJF contribui para o fortalecimento do turismo gastronômico, que desempenha um papel significativo na economia, impulsionando a geração de emprego e renda. Na edição de 2022, o evento foi bem-sucedido com a comercialização de aproximadamente 20 mil pratos, representando um incremento de 20% no faturamento de 90,7% dos estabelecimentos participantes e uma movimentação financeira de mais de R$ 1 milhão, de acordo com dados da Abrasel.

Além de saborear a legítima culinária mineira, o público pode aproveitar o “Bar na Rua”, iniciativa da Setur lançada em outubro de 2021 como forma de incentivar a retomada do turismo devido ao arrefecimento do segmento com a pandemia da Covid-19. A iniciativa busca estimular a instalação de extensões dos estabelecimentos em via pública com finalidade exclusiva de recreação, uso coletivo, manifestações artísticas e culturais, comercialização de produtos e prestação de serviços. De acordo com as normas, os estabelecimentos do trade turístico podem utilizar vagas de estacionamento, localizadas em frente ao estabelecimento, para a construção de extensões abertas com mesas e cadeiras ao ar livre, desde que autorizados pela Prefeitura. Por considerarem um grande sucesso financeiro, dez bares, restaurantes, lanchonetes e cafeterias da cidade já aderiram ao projeto e construíram suas extensões.

As cervejas artesanais produzidas na cidade podem ser encontradas no “Bar na Rua”. Elas são reconhecidas como um dos principais atrativos turísticos de Juiz de Fora. A cidade se destaca como pioneira em Minas Gerais ao incorporar uma política pública de estímulo às atividades relacionadas à cadeia produtiva por meio do Arranjo Produtivo Local (APL) das Cervejarias da Zona da Mata. A Setur promove também o projeto "Caminhando pela História". Nele, caminhadas guiadas levam moradores locais e turistas para conhecer os patrimônios históricos, culturais e turísticos da cidade. Há visitas também a indústrias produtoras de queijos e de cervejas artesanais.